ÁFRICA DO SUL

CAPE TOWN
ALEMANHA

BERLIM
EMIRADOS ÁRABES

DUBAI
MALTA

MALTA
INTERCÂMBIO

ENSINO SUPERIOR

© Copyright 2020 – Vital Intercâmbios – Todos os direitos reservados

Compre pelo telefone (11) 3230 7620
ESCRITÓRIOS
DICAS & NOVIDADES

BLOG VITAL

Como é o visto para Nova Zelândia

Vida no Intercâmbio / Por Jana Santos

Publicado em 12 de Maio de 2021

Se você está pensando em fazer intercâmbio na Nova Zelândia, mas ainda não sabe como funciona o processo de visto para o destino, este texto chega para ajudá-lo.

Caso a sua opção seja estudar no país até 90 dias a solicitação de visto de turismo deve ser feita antes do embarque, porém é bem simples e on-line, através de uma autorização eletrônica, chamada NZeTA.

Já o visto para cursos acima de 3 meses, é o de estudante e o processo é um pouco mais burocrático. A boa notícia é que um curso a partir de 14 semanas com carga horária de 20 horas semanais, concede permissão de trabalho para maiores de 18 anos. Desta forma, será possível desenvolver ainda mais o idioma, ter uma experiência internacional e ainda ajudar nos custos para se manter no país.

A aplicação deste visto também é online, porém, é necessário aplicar com antecedência de 4 a 2 meses antes da previsão de embarque e anexar algumas documentações, entre elas, passaporte, formulário preenchido, carta da escola, garantia de acomodação, seguro saúde, comprovação financeira de NZ$ 1.250,00 para cada mês no país e carta de intenção.

Este último documento é extremamente importante, a carta de intenção será para falar sobre você, seus objetivos e vínculos com o país de origem, uma vez que é necessário comprovar que é um estudante genuíno, ou seja, que o intercâmbio faz sentido e irá agregar no currículo após seu retorno.

Seja sincero na sua carta ao explicar sobre os motivos que o levaram a decidir por um intercâmbio na Nova Zelândia, toda informação deve ser verdadeira e comprovável, uma vez que o agente da imagração pode solicitar alguma prova sobre o que foi escrito.

O ideal é que se contrate uma empresa especializada para auxiliar com o seu visto, pois é um processo burocrático que exige uma aplicação bem feita para diminuir riscos de negativa.

As passagens aéreas não são exigidas nesta etapa e é aconselhável que a compra seja feita após a confirmação do seu visto.

Embora seja um intercâmbio com permissão de trabalho, é sempre bom lembrar que o país quer garantias que o seu objetivo principal é o estudo e jamais permanecer de forma ilegal, lembrando que caso deseje continuar no país, será necessário renovar o seu visto e passar pelo mesmo processo.

Os estudantes de curso de língua não possuem direito a dependentes, apenas os que embarcam para o país para mestrado e doutorado podem levar cônjuge ou filhos, neste caso ambos terão também permissão de trabalho e os filhos menores de idade o direito a escola gratuita.

O processo de visto da Nova Zelândia está compatível com o seu perfil? Não deixe de falar com um consultor da Vital Intercâmbios.


COMENTÁRIOS

User avatar

CERTIFICAÇÕES VITAL