ÁFRICA DO SUL

CAPE TOWN
ALEMANHA

BERLIM
EMIRADOS ÁRABES

DUBAI
MALTA

MALTA
INTERCÂMBIO

ENSINO SUPERIOR

© Copyright 2020 – Vital Intercâmbios – Todos os direitos reservados

Compre pelo telefone (11) 3192-8929
ESCRITÓRIOS
DICAS & NOVIDADES

BLOG VITAL

Imigrar para Austrália em 2022

Vida no Intercâmbio / Por Jana Santos

Publicado em 17 de Setembro de 2021

Muitas pessoas precisaram pausar os planos de imigração para a Austrália devido a pandemia que o mundo todo enfrentou, mas já é uma realidade e muito se fala na reabertura do país e com isso os planejamentos estão sendo retomados.

Algumas das perguntas mais comuns de quem tem esse objetivo é qual a melhor cidade da Austrália para realizar um intercâmbio já de olho na oportunidade de futura imigração.

Para quem pretende embarcar com esse objetivo o aconselhável é sempre consultar um agente de imigração que irá avaliar seu perfil e traçar o melhor plano de imigração e muito provável te indicar uma cidade regional.

Pelas cidades regionais ainda estarem em desenvolvimento, muitas pessoas têm medo de terem dificuldade para se adaptar e conseguir emprego, mas a verdade é que em nenhuma cidade será fácil, em todas é necessário lidar com a barreira do idioma, novas amizades, busca pela acomodação e trabalho. O que mais vale neste momento é estar aberto para um início que pode ser mais difícil e ter claro em sua mente que é uma situação temporária a caminho do seu objetivo de imigração.

E falando em idioma, existe a dúvida se é melhor estudar inglês no Brasil ou embarcar para Austrália em um curso de inglês. E o ideal é sim estudar na terra dos cangurus, isso porque o aprendizado se torna mais rápido por causa do contato diário com o idioma.

Além disso, no visto de estudante em cursos acima de 14 semanas é concedido a permissão de trabalho part-time, 20 horas semanais, o que também abre a oportunidade de uma oportunidade de visto de trabalho. Se a sua profissão estiver na lista de demanda ou for um visto de um sponsor em uma área regional, você tem direito a um visto permanente depois de 3 anos.

Isso leva muitos intercambistas após um período a ingressar em cursos que os qualifiquem para trabalhar em áreas que estejam em demanda no país, já que com inglês e diploma suas chances podem aumentar, ou seja, são oportunidades que só morando no país é possível.

Mas, isso não significa que não é possível migrar diretamente do Brasil, se você for uma pessoa que tem 100% das exigências do governo, pode conseguir um visto temporário que o leve a residência ou já vir com a residência permanente dependendo do programa.

Existem vários caminhos e como dissemos uma consulta com um agente de imigração é a melhor forma, alguns requisitos do governo australiano para vistos ligados às profissões são: ter menos de 45 anos, ter sua profissão na lista de demanda do governo, ter experiência na área, validação do diploma em um órgão específico na Austrália e comprovar domínio no inglês através de um teste de proficiência como o IELTS.

Lista de profissões em demanda na Austrália: https://immi.homeaffairs.gov.au/visas/working-in-australia/skill-occupation-list


INTERESSES

COMENTÁRIOS

User avatar

CERTIFICAÇÕES VITAL